terça-feira, 22 de agosto de 2017

Homem é preso com mais de 500 imagens pornográficas de crianças e adolescentes, no Ceará

O suspeito invadia as contas em redes sociais de meninas e pedia fotos às amigas delas.


Um homem acusado de pedofilia foi preso na última quinta-feira (17), em Icó, no centro-sul do Ceará. As investigações da Polícia Civil, por meio da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), encontraram com o homem mais de 500 imagens pornográficos de crianças e adolescentes.

Francisco Werley Ferreira Alves, de 25 anos, não possuia antecedentes criminais e foi capturado na própria residência, em Icó. A Polícia cumpriu ainda outros dois mandados de busca e apreensão em dois endereços, onde foram encontrados 10 computadores e centenas de mídias digitais.

A prisão foi resultado de investigações que duraram seis meses e iniciaram a partir das denúncias de algumas vítimas. De acordo com a delegada Gabriela Barreto, titular da DDM, o acusado raqueava redes sociais de meninas com idades entre 11 e 14 anos e se passava por elas na internet. Em seguida, usando a identidade das adolescentes, ele abordava outras meninas e pedia fotos e vídeos sem roupa. Quando percebiam que, na verdade, não se tratava da amiga, Francisco Werley as ameaçava para que continuassem enviando as imagens.

A delegada reforça que o preso fez dezenas de vítimas. As investigações permanecem sob segredo de Justiça. Francisco Werley foi preso por crimes que constam de seis artigos do Estatuto da Criança e do Adolescente, que incluem produzir ou registrar por qualquer meio cenas de sexo explícito ou pornográficas envolvendo crianças e adolescentes; vender ou expor à venda imagens do tipo; assim como aliciar, assediar ou constranger criança a fim de com ela praticar ato libidinoso.

(Do G1 CE)

Delegado mata a mulher juíza e depois se suicida em São Paulo


Um delegado assassinou a mulher, juíza do Trabalho, a tiros em Perdizes, na Zona Oeste de São Paulo neste domingo, e se matou em seguida. A Polícia Militar foi ao local por volta das 6h, após denúncia de que havia um cadáver no apartamento do casal, em um condomínio de alto padrão.

O delegado Cristian Lafredi, de 42 anos, era funcionário da Assembleia Legislativa do Estado, mas estava afastado do trabalho. Ele e a magistrada Cláudia Zerati, de 46 anos, da 2ª Vara de Franco da Rocha, na Grande São Paulo, eram pais de uma filha, ainda criança. Ainda são investigadas as causas do crime.

Um irmão do delegado disse que ele passava por "depressão profunda". "Ele estava sob tratamento médico e afastado do serviço desde o ano passado, depois que a mãe morreu", contou.

PGR denuncia Romero Jucá na Operação Zelotes

Cabe a Lewandowski notificar o líder do governo no Senado
A Procuradoria Geral da República (PGR) denunciou ao Supremo Tribunal Federal (STF) o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), ex-ministro do governo de Michel Temer, por crimes na Operação Zelotes, que apura fraudes no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), o tribunal de recursos da Receita Federal. O caso corre sob segredo.

O inquérito tem relatoria do ministro Ricardo Lewandowski. Cabe a ele notificar o acusado para apresentar resposta à denúncia e levar o inquérito para julgamento na segunda Turma do STF, que decidirá se ele vira ou não réu no caso.

(Jornal do Brasil)

TCM é extinto com publicação no Diário Oficial; Domingos Filho vai recorrer

Pela PEC, as contas das prefeituras cearenses serão examinadas por membros do TCE, e os servidores efetivos do TCM também passam a integrar os quadros do TCE

( Foto: Mateus Dantas/ O POVO )
A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) de extinção do Tribunal de Contas do Ceará (TCM) foi publicada no Diário Oficial desta segunda-feira, 21. Com isso, todas as competências do órgão extinto ficam a cargo do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Domingos Filho, que era presidente do TCM, informou que deve recorrer com recurso entre esta terça e quarta-feira, 23.

Pela PEC, as contas das prefeituras cearenses serão examinadas por membros do TCE, e os servidores efetivos do TCM também passam a integrar os quadros do TCE. Para suspender os efeitos da emenda, Domingos vai ingressas uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal (STF).

Até a publicação da PEC, o TCM funcionava por meios de liminar concedida pelo juiz da 11ª Vara da Fazenda Pública, Carlos Rogério Facundo, que suspendeu o trâmite na Assembleia Legislativa.

Proposta por Heitor Férrer (PSB) há vários anos, extinção do TCM só conseguiu apoio após reeleição de Zezinho Albuquerque (PDT) na presidência da Assembleia.

Essa eleição da AL rachou antigos aligos aliados, como Domingos Filho, ex-Fereira Gomes, que passou a ser da oposição. O Tribunal de Contas então virou objeto de disputa política, porque há acusações de que o presidente do TCM utilizava o órgão para se beneficiar politicamente entre as prefeituras do Interior.

Do O POVO Online

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Janot pede impedimento de Gilmar Mendes para julgar Jacob Barata Filho

Foto: José Cruz/Agência Brasil
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu nesta segunda-feira (21) ao Supremo Tribunal Federal (STF) o impedimento do ministro Gilmar Mendes para continuar atuando no processo no qual concedeu liberdade ao empresário Jacob Barata Filho. Gilmar é padrinho de casamento da filha do empresário, casada com o sobrinho da esposa do ministro.

Na petição encaminhada à presidente do Supremo, Cármen Lúcia, Janot afirma que o ministro tem vínculos pessoais com o empresário e não pode atuar no caso. A mesma argumentação é usada para tentar impedir Gilmar Mendes de julgar o ex-presidente da Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro (Fetranspor) Lélis Teixeira. Ambos são investigados na Operação Ponto Final, que apura suspeitas de corrupção no sistema de transporte público do Rio de Janeiro.

“Não resta dúvida para o MPF de que há vínculos pessoais entre a família de Gilmar Mendes e Jacob Barata Filho, circunstância também representada simbolicamente na função de padrinhos de casamento da filha do paciente. Os vínculos são atuais, ultrapassam a barreira dos laços superficiais de cordialidade e atingem a relação íntima de amizade”, sustenta Janot.

Na semana passada, por meio da nota, a assessoria de Gilmar Mendes informou que o contato do ministro com a família de Barata Filho ocorreu somente no dia do casamento. Além disso, segundo os assessores, o fato não se enquadra nas regras legais que determinam o afastamento de um magistrado para julgar uma causa em função de relação íntima com uma das partes.

“O contato com a família ocorreu somente no dia do casamento. Não há relação com o paciente e/ou com os negócios que este realiza. Já há entendimento no Supremo Tribunal Federal que as regras de suspeição e impedimento do novo Código de Processo Civil não se aplicam ao processo penal. Ademais, não há tampouco amizade íntima com os advogados da presente causa”, diz a nota.

(Agência Brasil)

Casos de meningite em 2017 no Ceará superam o número de todo o ano de 2016

Dezoito pessoas morreram em consequência da doença neste ano no Ceará.


Dezoito pessoas morreram com meningite no Ceará neste ano, sendo cinco pessoas com a meningite meningocócica, a forma mais grave da doença. De acordo com a Secretaria da Saúde do Ceará, este ano, o número de casos registrados (24) já é maior que o registrado em 2016, quando 20 pessoas tiveram este tipo da doença, a mais grave dentre as meningites bacterianas, registrando uma taxa de letalidade de 9,2%.

Entre os diversos tipos da doença, o Ceará já registra 185 casos confirmados neste ano, uma incidência de 2,6 casos para cada grupo de 100 mil habitantes. Destes, 80 casos (43,2%) foram de meningites "não especificada", 55 (29,7%) do tipo viral e 42 (22,7%) bacteriana.

No total, até julho deste ano, 58 municípios tiveram casos de meningites com óbitos em oito deles. Um surto comunitário em Parambu, no sertão dos Inhamuns, acometeu quatro pessoas, matando duas delas. Em 2016, a incidência da doença atingiu 76 localidades, com casos fatais em 23 delas.

Leia mais em: G1 CE

Ministro diz que são falsas notícias de que salário mínimo será reduzido

( Foto: José Cruz/Agência Brasil )
O ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, publicou um vídeo em redes sociais para dizer que são falsas as notícias na internet de redução do salário mínimo.

“Não é verdade que o governo reduziu o salário mínimo”, disse, acrescentando que o valor em vigor neste ano é de R$ 937 e para 2018 valerá o que está na lei. “O valor definitivo só será conhecido em dezembro quando teremos um número mais preciso sobre a inflação de 2017”, explicou.

Na última terça-feira (15), o governo divulgou nova previsão para o salário mínimo no próximo ano. O valor de R$ 979 que consta na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) passará para R$ 969 durante a elaboração do Orçamento.

Por lei, até 2019, o salário mínimo será definido com base no crescimento da economia de dois anos antes mais a inflação pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano anterior. Como o Produto Interno Bruto (PIB – a soma de todas as riquezas produzidas no país)  recuou 3,6% em 2016, a correção do salário mínimo de 2018 levará em conta somente a inflação. O reajuste menor ocorre pela redução na expectativa para a inflação para este ano.

(Agência Brasil)

TRE ultrapassa a marca de 50% do eleitorado com biometria no CE

Recadastramento biométrico de eleitores nos cartórios e postos do TRE-CE
O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará já cadastrou 50,7% do eleitorado com biometria e pretende atingir a marca de 75% até maio do próximo ano, quando será encerrado o Cadastro de Eleitores para as Eleições de 2018.

No planejamento elaborado pelo TRE-CE para as próximas eleições, 131 dos 184 municípios do Estado terão atingido 100% dos eleitores com biometria. Só neste ciclo 2017-2018, mais 69 municípios concluirão o recadastramento biométrico dos eleitores.

Em Fortaleza, onde a biometria só será obrigatória em 2020, o número de eleitores que compareceram aos postos da Justiça Eleitoral para fazer a biometria já atingiu 25,5% do eleitorado da capital e a meta do TRE-CE é ampliar para 45% o número de eleitores com biometria em Fortaleza até as eleições de 2018.

No interior do Estado, os eleitores devem procurar os cartórios eleitorais, de segunda a sexta-feira. Nos municípios que estão passando por revisão eleitoral, o atendimento é das 8 às 17 horas. Nos demais municípios, o atendimento acontece das 8 às 14 horas. Para obter mais informações sobre o recadastramento biométrico ou agendar o seu atendimento, o eleitor deve ligar para o telefone 148 ou acessar a página do tribunal.

Na capital, a Justiça Eleitoral descentralizou o atendimento aos eleitores e ampliou o número de postos. Veja os locais de atendimento:
  • Central de Atendimento ao Eleitor (Av. Almirante Barroso, 601, Praia de Iracema): 8 às 17 horas
  • Unidade Móvel (Cidade da Crianças – Centro): 8 às 17 horas
  • Vapt Vupt de Messejana (Av. Jornalista Tomaz Coelho, 408): 8 às 17 horas
  • Vapt Vupt de Antônio Bezerra (Rua Demétrio Menezes, 3750): 8 às 17 horas
  • Shopping Benfica (Térreo - ao lado da Casa do Cidadão): 8 às 17 horas
  • Shopping RioMar Fortaleza (loja 2152 B, no piso L 2): 10 às 19 horas
  • Shopping Del Paseo (loja 116 do Piso L1): 10 às 19 horas
  • Shopping Parangaba (loja 192 do Piso L1): 10 às 19 horas
  • Shopping RioMar Presidente Kennedy (Piso L2 – Área de Conveniência e Serviço): 10 às 19 horas
  • Shopping Iguatemi (Loja 55 do Piso L1 – Acesso 04): 10 às 19 horas
Fonte: Assessoria de Comunicação do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE)

Maia diz que votar impeachment de Temer traria instabilidade política

 ( Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil )
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse nesta segunda-feira (21) que julgar os processos de impeachment contra o presidente Michel Temer pode piorar o cenário político do país. “Acho que a Câmara já julgou os fatos que estão no pedido de impeachment na [votação da] denúncia. Se a gente ficar remoendo o mesmo assunto, a gente só vai gerar instabilidade no Brasil”, disse, antes de participar de um evento sobre reforma política promovido pelo jornal O Estado de S. Paulo.

Na semana passada, o presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Claudio Lamachia, entrou no Supremo Tribunal Federal (STF) com um mandado de segurança, com pedido de liminar, para obrigar o presidente da Câmara a analisar o pedido de impeachment feito pela entidade contra o presidente Michel Temer. No dia 25 de maio, a OAB protocolou na Câmara um pedido contra Temer tendo como base as gravações entre ele e o empresário Joesley Batista, um dos donos da empresa JBS.

Para Maia, as acusações contra Temer já foram analisadas pelos deputados. No dia 2 de agosto, a Câmara dos Deputados rejeitou a denúncia apresentada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra o presidente. O processo está baseado na delação premiada de Joesley Batista.

“Nós vamos, agora, fazer o mesmo processo de impedimento, com as mesmas informações que nós temos, é querer parar o Brasil. Não me parece a coisa mais razoável”, enfatizou o presidente da Câmara, que também negou que haja demora em analisar o tema. “Os pedidos de impeachment na Câmara e no Senado correm no seu tempo”, acrescentou.

Reforma Política

Maia defendeu o texto da reforma política que deve ser apreciado nesta terça-feira (22) pelo plenário da Câmara dos Deputados. Segundo ele, a criação do “distritão” abre espaço para renovação nos cargos eletivos. “Acho que o sistema majoritário sempre renova mais que o sistema proporcional, que é muito conservador do que qualquer sistema majoritário”, disse.

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 77/03 propõe a mudança do sistema proporcional para as eleições de deputados e vereadores para a modalidade chamada “distritão”, no qual são eleitos os candidatos mais votados, sem considerar a proporcionalidade dos votos recebidos pelos partidos e coligações. Além disso, está no texto a criação de um fundo para financiar as campanhas eleitorais a partir de 2018.

Para o presidente da Câmara, a proposta representa uma conciliação para que em 2022 seja adotado um sistema que mescla a eleição majoritária com proporcional. “Tem um texto que vai fazer uma transição com o sistema atual para o sistema majoritário, que vai caminhar, em 2022, para o distrital misto. Dessa forma eu acho que é um ganho para o Brasil, já que os dois extremos, os dois polos de sistema que são defendidos não tem votos sozinhos para a sua vitória. Nem o distrital, nem a lista fechada consegue construir a maioria”, disse.

 (Agência Brasil)

Receita caseira promete tratar a chikungunya em Boa Viagem

A receita para enfrentar a arbovirose que mais preocupação tem causado inclui vinho e maribondos

Aposentada Francisca Mendes de Sousa foi quem descobriu a receita, que
aos poucos foi sendo repassada e chegou ao conhecimento da comunidade
( Foto: Alex Pimentel )
Ainda não existe tratamento antiviral específico e eficiente para a chikungunya, uma arbovirose causada pelo vírus chikungunya (CHIKV), transmitida pela picada de fêmeas dos mosquitos Aedes aegypti, para muitos com certeza a doença mais incômoda da última década, podendo causar até mesmo a morte. Por esses motivos os remédios caseiros e fitoterápicos estão sendo cada vez mais procurados por quem, além da febre, de início aguda, enfrenta cefaleia, náusea, fadiga e exantema e dores articulares e musculares.

Impacientes com a demora no tratamento convencional, moradores de Boa Viagem, uma cidade do Sertão Central distante 200Km de Fortaleza, passaram a buscar na medicina caseira, e nos fototerápicos, como são conhecidos cientificamente esses medicamentos, uma solução para o problema. Principalmente os mais idosos não aguentavam mais as dores nas articulações das mãos, dos braços e das pernas, que podem se estender por meses e até anos. Estavam se sentindo como zumbis quando caminhavam pelas ruas.

Foi quando começou a circular pela cidade a receita do vinho com marimbondo. No começo houve até brincadeira e trocadilho do nome do pequeno inseto voador, parente das abelhas e das formigas, com "moribundo", quem está à beira da morte, como a maioria dos doentes se sentem. Mas como quem se curou é considerado sério, a dica do novo remédio contra a chikungunya ganhou respeito e está se espalhando pela cidade.

Quem descobriu a curiosa fórmula medicinal foi uma moradora do bairro Tibiquari, a aposentada Francisca Mendes de Sousa, 71 anos, conhecida como "Fransquinha". Não demorou muito para os vizinhos saberem da novidade e também arriscarem na dica. Antônio Francisco de Sousa, conhecido como "Antônio Inácio", foi um deles.

"Há mais de ano não conseguia mexer os braços e nem as pernas. Agora está mais aliviado e acrescenta apenas faltar coragem para o tratamento definitivo. "Ouvi falar que quem foi picado pelos maribondos se curou em definitivo".

Agora, todos os dias, eles e outros moradores de Boa Viagem afetados pela chikungunya tomam diariamente uma dose de vinho tinto misturados com alguns maribondos. "A cada dia aumenta o número de pessoas à procura do tratamento. Não são apenas os mais humildes a acreditarem na receita. Pessoas muito esclarecidas estão elogiando o medicamento caseiro, mas não deixam de consultar o médico e tirar dúvidas com profissionais farmacêuticos", comenta o radialista Erialdo Costa.

Entretanto, Fransquinha e Antônio Inácio recomendam a outras pessoas com os mesmos sintomas, principalmente com dores nas juntas ósseas a procurarem orientação médica. Embora esteja dando resultado, estão tomando o "vinho de maribondo" por conta e riscos próprios. Mesmo assim, ambos estão satisfeitos.

Ela, que não conseguia sequer pentear os cabelos, voltou até a apanhar água no chafariz próximo da sua casa. Ele não tem mais dificuldade em caminhar até as casas dos amigos.

Antônio Inácio gosta de remédios caseiros e naturais, e também de receitas para prevenção de doenças, dentre elas, uma garrafa de babosa com mel de abelha italiana, muito boa para câncer de próstata; também um chá de Quebra Pedra, muito bom para os rins e outro chá é o de macena, para quem tem problema no fígado. A lista de medicamentos é enorme, só das plantas, e tem ainda a dos animais.

Popularidade 

O secretário de Saúde de Boa Viagem, Willames Vaz, confirma a popularidade do vinho com maribondo na cidade, todavia, após conseguirem reduzir os índices de infestação predial do Aedes aegypti, aconselha os pacientes, por mais positivos que sejam os resultados, provavelmente mais por questões psicológicas, a procurarem as unidades de saúde da família, onde podem ser examinados e receber orientação médica, vez que, além de não existirem estudos, os efeitos benéficos são apenas placebos.

As receitas caseiras realmente são esquisitas, mas eficazes. Um exemplo é a gordura de cururu, um animal anfíbio escasso nesses tempos de estiagem prolongada no sertão do Ceará. Mas quando o sapo aparece em abundância ainda há quem capture o bicho, faça um corte na barriga, extraia a gordura, em seguida o suture e o solte novamente. A substância untuosa extraída, transformada em óleo, é utilizada no tratamento de inflamação na garganta. Quem usa diz ser eficaz.

Na avaliação do farmacêutico Micael Nobre, coordenador da Assistência Farmacêutica dos municípios de Aracoiaba e Guaramiranga, no Maciço de Baturité, devemos respeitar a "medicina popular" em razão da sua cultura e também da eficácia de algumas receitas.

Todavia essa história de se não fizer o bem, o mal não faz, deve ser observada com cuidado. Somente o profissional da área, com formação acadêmica, tem conhecimento para orientar corretamente o paciente. Ele alerta que o excesso pode causar intoxicação e outros males. O mesmo ocorre com os fitoterápicos, medicamentos feitos à base de vegetais.

O farmacêutico cita como exemplo a babosa. Houve um boom apontando ser o melhor medicamento para o tratamento dos rins, todavia, quando foram concluídos estudos científicos os pesquisadores constataram que o consumo fitoterápico é responsável pela formação de cristais e ainda piora os sintomas de quem tem gastrite. Hoje, o óleo e o gel natural são aconselhados apenas para uso externo.

Opinião do especialista

Uso deve ser com parcimônia

"Estamos inseridos numa cultura milenar onde utiliza-se remédios caseiros, muitos deles à base de plantas medicinais para tratar várias enfermidades. A vasta opção de espécies que temos em nosso estado bem como os diversos estudos que são realizados por várias entidades sérias e comprometidas nos mostram que essa prática, quando feita de maneira responsável, tem muito a agregar à saúde e bem-estar da população. Contudo, erroneamente, muitas pessoas têm a convicção que aquilo que é natural não faz mal, e diante disto utilizam diversas formas e insumos para tratar doenças. Como farmacêuticos, nós devemos estar atentos a este tipo de situação e orientar a população, já que muitos produtos utilizados para a fabricação desses remédios caseiros não têm qualquer evidência de eficácia e cultivo seguro gerando um risco à saúde, quando também muitas pessoas desistem dos tratamentos convencionais e passam a utilizar somente esses remédios sem qualquer tipo de orientação. As dificuldades ao acesso à consulta médica, medicamentos e às orientações farmacêuticas fazem com que muitas pessoas busquem outras alternativas, pondo-se em risco ao utilizarem esses remédios inadequadamente.

Quando usado com parcimônia, o vinho tem várias propriedades benéficas para a nossa vida, todavia, seu uso irracional pode trazer malefícios à saúde. Não existe qualquer associação na literatura e nenhuma descrição nos órgãos de controle sobre a associação do marimbondo, seja pela ingestão do inseto, bem como pela utilização de sua picada, ao vinho para o tratamento da Chikungunya. É importante salientar quanto aos riscos desta prática, já que através da picada do inseto são desencadeados diversos efeitos tóxicos e imunológicos sérios.

A população em geral deve ficar sempre atenta a tratamentos revolucionários, e não colocar sua saúde em risco. É importante que antes de iniciar qualquer tratamento, procure conversar com seu médico e seu farmacêutico evitando algum evento inesperado ou agravamento do seu quadro de saúde.

Juliana Pinheiro
Farmacêutica Clínica e especialista em Oncologia

(Diário do Nordeste)

Cerca de 30 pais recebem certificados do curso do Proerd em Dep. Irapuan Pinheiro


Uma parceria entre a Polícia Militar do Ceará em Iguatu e Secretaria de Educação Municipal da cidade de Deputado Irapuan Pinheiro, respectivamente comandado e administrado pelo Major Rodrigo Rodrigues da Silva e o Secretario de Educação, Cultura e Deporto Amadeu Érico, realizou na manhã da sexta-feira, 18, no CAS (Centro de Assistência Social), a solenidade de formatura de 30 pais do curso do PROERD – Programa Educacional de Resistência as Drogas e a Violência.

O curso PROERD Pais foi ministrado entre os meses de maio e junho, nas Escolas de Ensino Básico, Francisca Josué de Souza Carneiro e Joaquim Napoleão Pinheiro. O Objetivo alcançado como relatado por pais durante a solenidade de formatura aconteceu devido a aquisição de técnicas que os pais passaram a desenvolver na identificação de comportamentos que venham a ocorrer e colocar a vida de seus filhos em risco.

A solenidade contou com a presença do Secretário de Educação, Cultura e Desporto Amadeu Érico, e da Secretária de Ação Governamental Jaianny Pinheiro que estava representando o Prefeito Claudenilton Pinheiro que se encontrava na cidade de Fortaleza cumprindo sua agenda de compromissos, o presidente da Câmara Valdeci da Silva, o Diretor da E.E.B Francisca Josué de Souza Carneira Edivan de Souza, e o Diretor Adjunto José Edicarlos, a Coordenadora do Empreendedorismo Vânia Lucia representando o vice-prefeito Ayrton Senna, o Sargento Renato e contou com à presença dos pais que estavam se formando e dos alunos da instituição.

Da Redação, com informações da Ascom da PMDIP

MUNICÍPIOS EM CRISE - 73 cidades do Ceará passaram o limite de gastos com pessoal

A crise financeira, que chega ao segundo semestre do ano, suspende serviços e obras essenciais

Servidores articulam melhoria salarial, em meio a maior crise financeira
( Foto: Honório Barbosa )
Passados quase oito meses do início dos mandatos dos atuais prefeitos, o endividamento e a precariedade no setor de investimento somente têm piorado ao longo deste tempo. Dos 184 municípios cearenses, 73 estão acima do limite de 54% com a despesa de pessoal, comprometendo suas finanças com a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O caso mais grave é Ibaretama, na Região Central, onde as despesas com pagamento do funcionalismo representam 68,80% das Receitas Correntes Líquidas.

> Clique para ver a lista completa

A linha decrescente das finanças municipais pode ser comparada com 2016, quando a Associação dos Prefeitos e Municípios do Ceará (Aprece) foi informada que 58 Prefeituras descumpriram o limite de despesas com pessoal, com percentual acima de 54%.

Com o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) interrompendo suas atividades ao ser promulgada sua extinção, há também uma tensão entre os prefeitos de como será a transição no acompanhamento quadrimestral da balança entre os recursos que entram e os que saem para cumprimento dos compromissos de pagamento de salários.

O monitoramento do limite de gastos com pessoal é permanente, a partir do recebimento dos relatórios de gestão fiscal (RGF), e faz parte de uma série de ações sobre o controle dos gastos públicos municipais.

Crise 

Se o número de cidades endividas não para de crescer, certamente que os efeitos são atrasos no pagamento do funcionalismo, demissão de contratados, corte de gratificações e, pior de tudo, suspensão de obras. Ibaretama, localizada a 113 quilômetros de Fortaleza, não pagou a folha de julho, tem carros e tratores sucateados e a administração admite que está quebrada para executar os serviços de melhoria da infraestrutura tanto na área urbana, quanto rural.

O prefeito do município, Edson Morais (PMDB), atribui a péssima performance entre todos os municípios que levam em conta as receitas e as despesas à herança da gestão passada. Ele afirma que o desmonte das finanças foi fatal para que a cidade entrasse em colapso por falta de dinheiro nos cofres ou contas correntes. "Fizemos todos os cortes possíveis e as receitas somente têm diminuído", afirma o gestor, dizendo que, dentro da sua responsabilidade, foram esgotadas todas as medidas de contenção e restrição de gastos. "Agora, só um milagre pode nos salvar", disse Morais.

A situação de Ibaretama acontece em dezenas de outras cidades cearenses, embora o último ranking apresentado pelo TCM relacione como também em situação ilegal com a LRF os municípios de Paramoti, Miraíma, Itapiúna, Uruburetama, Madalena, Icó, Ipaumirim, Ibicuitinga, Jaguaribara, Maranguape, Araripe, Quixelô, Alcântaras e Aratuba, entre as 10 cidades com despesas comprometidas acima dos 60%.O levantamento foi feito de acordo com a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Pela legislação, esse gasto deve ser de até 54% da Receita Corrente Líquida (RCL) e, quando excedido, precisa ser restabelecido no prazo de dois quadrimestres seguintes ao que ocorreu o excesso.

As administrações irregulares ficam impedidas de receber transferências voluntárias da União e do Estado, obter garantia em operações de crédito ou contratar o empréstimo, exceto para refinanciamento da dívida mobiliária e os que visem à redução das despesas com pessoal.

Restrições

Os prefeitos estão sujeitos ao pagamento de multa após processo, no valor de 30% da remuneração anual. Para voltar ao patamar permitido, abaixo de 54%, devem adotar procedimentos como redução, em pelo menos 20%, das despesas com cargos em comissão e funções de confiança e exoneração de servidores não estáveis.

O economista da Aprece Irineu Carvalho reconhece que houve um esforço de muitos prefeitos para a chamada "eliminação da gordura", como a demissão de contratados, extinção de cargos comissionados e limitação de pessoal em áreas essenciais. No entanto, lembra que a bola de dívidas crescente não obstante o congelamento de salários, uma vez que há vantagens acrescidas aos contra-cheques dos servidores, em vista de Planos de Cargos e Carreiras, bem como obrigações de reajuste de pisos, como é o caso do Magistério e do salário mínimo.

"Pelo fato de o Brasil apresentar um Produto Interno Bruto (PIB) negativo e ainda considerando o período da recessão, as prefeituras irregulares com a LRF têm o dobro do prazo para a regularização das contas. O problema é que não há como reverter esse quadro sem repasse de outros recursos, como era o caso da repatriação", lembrou Irineu.

Para o economista, o atual cenário econômico do País leva a crer no agravamento da queda de receitas. Tão ruim quanto não conceder reajuste aos servidores e, até mesmo em casos extremos, não poder repor vagas de funcionários por morte ou aposentadoria em vista da oneração da folha, é a interrupção de obras e investimentos em serviços essenciais.

Decisões

Otimista com relação ao faturo do TCM, o presidente Domingos Filho, que passou a semana passada em Brasília, para entrar com uma liminar no Supremo Tribunal Federal (STF) para suspender os efeitos da lei que extingue o Tribunal, acredita que a precariedade no acompanhamento é um prejuízo a mais para os prefeitos e para suas cidades. Até sexta-feira passada, ele estava otimista que haveria por parte do Supremo o mesmo entendimento da ministra Carmen Lúcia, ao se pronunciar sobre a ação no ano passado.

No entanto, Domingos Filho diz que a preocupação maior é com relação às consequências incisivas sobre os municípios, sobretudo, os mais carentes, diante da ausência de um órgão especializado nessas relações. "Há uma ideia de que é a crise econômica que tem aumentado as dificuldades das contas municipais. No entanto, há também uma questão política, que é a falta de decisões firmes dos prefeitos", afirmou o presidente.

Fonte: Diário do Nordeste

Câmara analisa nesta semana PEC que cria distritão e financiamento público


Nesta terça-feira (22), o plenário da Câmara dos Deputados deverá analisar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 77/03, que trata da reforma política e prevê um novo sistema para eleição de vereadores, deputados e senadores, o chamado”distritão”, e também a criação de um fundo com dinheiro público para financiar campanhas eleitorais.

A PEC 77/03 será discutida como pauta única do plenário, em sessão marcada para começar as 13h. Estarão em votação o texto-base, que ainda não tem consenso da maioria dos parlamentares.

Na última tentativa de votação, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), encerrou ao considerar o quórum de parlamentares presentes baixo. Além do texto-base, 14 destaques também serão analisados.

Pelo sistema “distritão”, serão eleitos os vereadores e deputados (estaduais e federais) mais votados, como ocorre atualmente na escolha de prefeitos, governadores e presidente da República. Não será considerada a proporcionalidade do total de votos recebidos pelos partidos e coligações.

A ideia divide opiniões dentro do Congresso. Várias propostas alternativas têm sido levantadas, como outro modelo, apelidado de “distritão misto”, que seria uma combinação de voto majoritário no candidato e voto em legenda, ou seja, os eleitores poderiam votar em candidatos ou no partido nas eleições para deputados estadual e federal.

O relator Vicente Cândido (PT-SP) disse à Agência Brasil que ainda não há acordo em torno de nenhuma proposta. Líderes da oposição prometem tentar barrar qualquer tentativa de aprovação dos modelos majoritários para as eleições de cargos do Legislativo.

A indefinição pode arrastar ainda mais a tramitação da reforma política na Câmara. A expectativa é que a discussão, prevista para esta terça-feira, se arraste por mais de uma sessão.

A PEC prevê ainda o financiamento das campanhas eleitorais com dinheiro público por meio da criação do Fundo Especial de Financiamento da Democracia. O relator justifica que diante do contexto de investigação do uso de recursos não contabilizados nas campanhas das últimas eleições, a utilização de recursos públicos poderia dar mais transparência para o processo eleitoral.

(Agência Brasil)

Primeira parcela do 13º de aposentados e pensionistas será paga este mês

O crédito será feito no dia 25 de agosto. beneficiários brasileiros já poderão consultar o extrato do valor por meio do site Meu INSS 

shutterstock/Imagem
Desde da sexta-feira (18), milhares de brasileiros aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já puderam consultar o extrato de seus benefícios referentes ao mês de agosto, incluindo a primeira parcela do abono referente ao 13º salário .

O valor do benefício será creditado pelo INSS aos aposentados e pensionistas no dia 25 deste mês, na conta bancária destinada a isso. O pagamento do abono segue até o dia mês de setembro, e vai de acordo com o número final do cadastro do beneficiário.

A Secretaria da Previdência afirmou que, boa parte dos brasileiros que têm direito a esses benefícios, já puderam consultar os valores desde deste sábado (19), sendo que o acesso aos valores a todos os beneficiários será disponibilizado até o dia 25 de agosto.

Para a consulta, o aposentado ou pensionista deve acessar o site Meu INSS  e cadastrar uma senha para poder fazer a consulta dos valores a serem recebidos. Para garantir a segurança dos dados que serão informados a quem consulta, o site fará uma série de perguntas – que envolvem empresas que prestou serviço e valores de benefícios – ao internauta antes de liberar o acesso ao beneficiário.

As agências bancárias nas quais os aposentados e pensionistas recebem o valor também podem fornecer tais informações, isso ajuda os menos adeptos as tecnologias. Os postos do INSS também podem repassar esses valores. Há mais de 10 anos aposentados e pensionistas recebem a primeira parcela do 13º salário adiantado, após acordo entre o governo e centrais sindicais.

Valores

A Secretaria da Previdência explicou que pessoas que já estavam recebendo benefícios desde o mês de janeiro deste ano terão direito ao recebimento de 50% do abono do 13º salário. Quem passou receber após essa data receberá valores proporcionais.

Nesta primeira parcela do 13º, que está sendo liberado este mês pelo INSS, valores referentes ao Imposto de Renda não serão descontados agora. Isso ocorrerá no pagamento da segunda parcela do 13º salário. Beneficiários que passaram a receber o auxílio a partir de 12 desse mês de agosto vão receber o abono em parcela única em novembro deste ano.

Fonte: Economia - iG

Governo tenta retomar reforma da Previdência

Negociações com parlamentares, porém, devem esbarrar na reforma política, tema que vem dominando as atenções no Congresso Nacional

Foto: Adriano Machado/Reuters
O governo pretende intensificar nesta semana as negociações com os parlamentares para retomar a votação da reforma da Previdência. A intenção é dar sinais positivos ao mercado e aos investidores, depois de a equipe econômica ter precisado anunciar uma ampliação na previsão de rombo nas contas neste e nos próximos três anos.

Mas os planos no governo devem esbarrar em um Congresso cada vez mais focado na reforma política, que precisa ser aprovada até o início de outubro e mexe diretamente com os interesses dos parlamentares.

“A reforma da Previdência está parada. Não adianta ficar mexendo nisso agora, porque a gente não está com essa pauta. Tem reforma política, meta fiscal na frente. Não dá para discutir isso agora”, afirmou Beto Mansur (PRB-SP), um dos vice-líderes do governo na Câmara e um dos responsáveis por contabilizar votos que o governo tem para aprovar a matéria.

As articulações pela reforma da Previdência ficaram completamente paralisadas após o estouro da crise política com as delações dos executivos da JBS, que implicaram o presidente Michel Temer. Com a rejeição da denúncia contra Temer pela Câmara dos Deputados, a intenção do governo é retomar as conversas pela aprovação das mudanças nas regras de aposentadoria e pensões no Brasil, que atacam o principal gasto no Orçamento do País.

Mas o governo está longe de ter os 308 votos necessários para aprovar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma. Pelas contas de Mansur, o governo só tem hoje 220 votos a favor do texto aprovado na comissão especial. Esse número é até menor do que os cerca de 250 que eram contabilizados antes do episódio JBS.

Política. Integrantes do governo reconhecem nos bastidores que a reforma política e a mudança nas metas fiscais para 2017 e 2018 dominaram as discussões nos últimos dias e acabaram atrapalhando as conversas, mas o objetivo é tentar reverter esse jogo. Segundo apurou o Estadão/Broadcast, os principais defensores da reforma dentro do governo já se reuniram com parlamentares do PMDB, do PSDB e do DEM e deputados de partidos menores para buscar apoio.

A avaliação do governo é de que, embora a reforma política e a discussão sobre a meta tenham atrasado a retomada da Previdência, a estratégia a ser mantida é a mesma. A percepção da área econômica é que há um clima mais favorável à votação. O engajamento do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), como uma espécie de porta-voz pela aprovação da reforma da Previdência, é um fator positivo nesse trabalho.

“A reforma da Previdência está parada. Não adianta ficar mexendo nisso agora, porque a gente não está com essa pauta.”

(Estadão Conteúdo)

Fome é o fator que leva a célula tumoral a migrar pelo corpo, diz pesquisador

(imagem: Sriram Subramaniam, National Cancer Institute (NCI),
 2012/Wikimedia Commons)
O pesquisador britânico Colin Goding está convencido de que o mesmo fator que motivou o primeiro ser vivo unicelular a se movimentar pela Terra – há mais de 3 bilhões de anos – também é a razão pela qual algumas células tumorais se separam do tumor primário para colonizar outras partes do corpo: a busca por comida.

Em seu laboratório, situado no Instituto Ludwig de Pesquisa do Câncer, vinculado à Universidade de Oxford, no Reino Unido, ele demonstrou em experimentos com culturas de melanoma humano que a falta de nutrientes desativa o maquinário de proliferação celular e faz com que as células tumorais adquiram um fenótipo invasivo.

“Nossa estimativa é que a mesma lógica funcione para a maioria dos tipos de câncer e, talvez, possamos encontrar meios de manipular esse mecanismo de sobrevivência celular para obter benefícios terapêuticos”, disse Goding em entrevista à Agência FAPESP.

De passagem por São Paulo, onde proferiu no dia 10 de agosto a palestra de abertura do 8º Workshop on Melanoma Models, Goding contou que seu grupo tem usado o melanoma como um modelo para entender a progressão do câncer como um todo.

“É um ótimo modelo porque conseguimos visualizar todos os estágios da doença. Podemos perceber quando as células produtoras de pigmento começam a invadir outros tecidos e formar metástases. Já em outros tipos de tumor, como pulmão ou pâncreas, quando o paciente apresenta sintomas e procura um médico a doença já se espalhou”, comentou.

Outro fator que tornou o melanoma um modelo interessante para o estudo do câncer, segundo Goding, foi a identificação, há mais de uma década, de um gene chamado BRAF, que se encontra alterado em metade dos casos da doença – emitindo estímulos para a proliferação descontrolada das células.

“Em poucos anos surgiram drogas capazes de inibir especificamente essa forma ativa do gene BRAF com efeitos dramáticos. Pacientes com múltiplas metástases respondiam muito bem. Porém, após alguns meses, as células se tornavam resistentes. Nossa pergunta então foi: por que essa resistência surge e o que podemos fazer a respeito?”

Transformação do fenótipo

De acordo com Goding, estudo recentes têm mostrado que a resistência do melanoma ao tratamento está relacionada com a existência, dentro de um mesmo tumor, de subpopulações de células com fenótipos diferentes. Ou seja, embora possuam o mesmo background genético, se comportam de forma distinta.

“Algumas podem estar mais diferenciadas e se comportar como o tecido de origem [células produtoras de melanina], outras podem estar se proliferando rapidamente e fazendo o tumor crescer, outras podem estar com o ciclo mais lento e fenótipo invasivo e outras se tornam dormentes e permitem que, mesmo após uma terapia bem-sucedida, a doença reapareça muitos anos depois”, explicou Goding.

Um dos objetivos do grupo britânico, portanto, tem sido compreender os fatores que levam ao surgimento desses diferentes fenótipos. Segundo Goding, aspectos do microambiente tumoral, como a disponibilidade de nutrientes, oxigênio e a interação com sinais emitidos pelo sistema imune, são fundamentais para a transformação.

A hipótese levantada pelo britânico é que, diante de uma situação de escassez de nutrientes, ativa-se em parte das células tumorais um mecanismo de sobrevivência que as faz migrar para procurar comida em outro local.

“Além disso, acreditamos que determinados sinais emitidos por células do sistema imune – como as citocinas TNF-α [Fator de necrose tumoral alfa] e TGF-β [Fator de transformação do crescimento beta] – podem induzir um estado de pseudodesnutrição. Nesse caso, mesmo havendo abundância de nutrientes, esses sinais imunes associados à inflamação acionam o mesmo mecanismo induzido pela fome e fazem a célula migrar”, explicou o cientista.

Experimentos feitos por Goding com leveduras e também com células de melanoma confirmaram que existe um mecanismo de sobrevivência celular conservado ao longo da evolução. Quando passa fome, a célula reduz sua demanda por nutrientes para se adequar à oferta. Isso significa desativar os processos biológicos necessários para a síntese de proteínas e para a formação de novas células.

Porém, quando a célula tumoral consegue migrar para um novo ambiente, onde há abundância de nutrientes e ausência dos sinais imunes que induzem a pseudodesnutrição, ela volta a se proliferar para formar uma nova colônia.

“Se conseguirmos enganar as células para fazer com que acreditem que os sinais de estresse já foram embora, o maquinário de fazer novas células volta a ficar ativo e elas vão morrer porque a demanda por nutrientes vai exceder a oferta”, avaliou.

A manipulação do estado fenotípico da célula tumoral, segundo Goding, poderia, em teoria, evitar tanto a formação de metástase como a ocorrência de futuras recaídas da doença.

“O processo de formação de metástase é muito ineficiente. Deve haver centenas de milhares de células tumorais circulando e algumas poucas conseguem estabelecer uma nova colônia com sucesso. Parte dessas células morre e parte se torna dormente para sobreviver ao estresse associado com a fuga do tumor primário. Se encontrarmos um mecanismo para eliminar a dormência, poderemos reduzir ainda mais o porcentual de células que consegue escapar do tumor primário, sobreviver e formar metástase. Isso é algo que buscamos em meu laboratório, em colaboração com grupos do mundo todo, inclusive o de Silvya Stuchi, no Brasil”, contou.

Por Karina Toledo  |  Agência FAPESP

domingo, 20 de agosto de 2017

Janot deixará homologação de delação da OAS para Raquel Dodge

Foto: Evaristo Sá | AFP
O planejamento da equipe de Rodrigo Janot prevê que, daqui até o fim de seu mandato, seja fechado o acordo com os delatores da OAS. Mas só fechado.

A tendência é que não haja tempo suficiente para colher nenhum depoimento dos executivos. Essa parte e o pedido de homologação serão missões para Raquel Dodge.

A informação é da Coluna Lauro Jardim / O Globo

Casos de estupro coletivo crescem 638% no Ceará nos últimos cinco anos

Dados do Ministério da Saúde registram 10 estupros coletivos por dia no país

Ilustração: The India Express
Dados do Ministério da Saúde, publicados na edição deste domingo (20) da Folha de S. Paulo, mostram que o Brasil registra em média dez casos de estupro coletivo por dia. Em cinco anos, mais que dobrou o número de registros feitos por hospitais que atenderam vítimas.

As notificações pularam de 1.570 em 2011 para 3.526 em 2016. Os dados são os primeiros a captar a evolução desse tipo de violência, que representa 15% dos casos de estupro atendidos por hospitais. Na polícia, não há diferenciação para o crime praticado por mais de um agressor.

O Ceará aparece na lista, com taxa de 1,07 estupros a cada 100 mil habitantes no ano passado, o quarto entre os Estados da região Nordeste.

Confira abaixo os números da região Nordeste:

Pernambuco – 2,40
Piauí – 1,43
Alagoas – 1,22
Ceará – 1,07
Bahia – 0,82
Sergipe – 0,66
Rio Grande do Norte – 0,58
Paraíba – 0,23

Estados que mais pioraram

O Ceará também aparece na quarta posição em outra estatística, dessa vez entre os Estados que mais pioraram na variação de estupros coletivos. Acompanhe os números abaixo

Variação de estupros coletivos entre 2011 e 2016, em %:

Roraima – 1.150
Piauí – 1.050
Espírito Santo – 655
Ceará – 638
Rio Grande do Norte – 400

Fonte: Ceará News 7

Moradores do Norte e Nordeste poderão avistar eclipse parcial do sol

Fenômeno pode ser visto no Brasil entre 12h46 e 18h04, horário de Brasília 
( Erik S. Lesser/EPA/EFE/Direitos Reservados )
Está previsto para esta segunda-feira (21) um dos eventos mais fascinantes da natureza, o eclipse solar total, que ocorre quando as órbitas do sol e da lua se cruzam e o satélite passa entre o sol e a Terra. Quando a lua cobre o sol, bloqueia os raios solares e faz uma sombra na Terra.

Dessa vez, a faixa de totalidade do fenômeno, ou seja, a faixa de terra que ficará na penumbra, cruza os Estados Unidos. Serão 2 minutos e 40 segundo de completa escuridão para quem estiver entre Salem, no Oregon, e a cidade de Charleston, na Carolina do Sul.

Observadores que estiverem fora dessa região, a 3 mil quilômetros acima ou abaixo dessa faixa, poderão observar um eclipse solar parcial, em que a lua cobre parte do disco do Sol. No Brasil, os moradores das regiões Norte e Nordeste poderão avistar o fenômeno. No extremo norte do país, a previsão é que a escuridão chegue a 50%.

A astrônoma Josina Nascimento, pesquisadora do Observatório Nacional, responsável pelos cálculos e edição do anuário da instituição que traz as fases da lua e previsão de eventos astronômicos, explicou que apesar do senso comum dizer que são raros, os eclipses são um evento comum. Segundo ela, o fato de a faixa de totalidade dos eclipses ser muito estreita, com cerca de 270 quilômetros, causa essa falsa impressão.

“A cada período entre 18 e 22 meses, temos um eclipse solar, seja ele total, parcial ou anular. Quando é total, que é o mais raro, têm-se essa pequena faixa de totalidade, portanto muitas partes do mundo passam muitas décadas sem ver um eclipse total. Não é um fenômeno raro na Terra, mas sim em cada local onde as pessoas estão”, esclareceu.

Josina Nascimento disse que os eclipses do sol e da lua sempre ocorrem um próximo do outro. “Basta observar uma lista de previsão de eclipses para verificar que sempre que acontece um eclipse da lua, por exemplo, logo depois tem um do sol, ou vice versa. Se houver um eclipse em uma lua cheia, na lua nova seguinte haverá um eclipse do sol.  Se a órbita da lua em torno da Terra não fosse inclinada, teríamos esse alinhamento todo mês. Na lua nova, um eclipse do sol, e na lua cheia, um eclipse da lua. Por ser inclinada, o alinhamento não acontece sempre.”

Ela informou que o próximo eclipse total que terá faixa de observação no Brasil está previsto para 2041. “No dia 2 de julho de 2019, vai ser no sul da América do Sul e a expectativa é que muitas pessoas se desloquem para a faixa de observação. É interessante porque você tem turismo, tem eventos culturais e científicos, é muito legal”, disse a pesquisadora.

Teoria da Relatividade foi provada em eclipse no Brasil

Durante a conversa com a Agência Brasil, Josina Nascimento contou que desde antes do homem começar a explorar o Universo em missões espaciais, os cientistas aproveitam os eclipses para responder a questões científicas e de engenharia. A cor muito escura da lua durante o eclipse, por exemplo, pode ser usada para calibrar as imagens de raios-X, por registrar o estado do "sinal zero". Os eclipses também são uma ótima oportunidade para observar a fotosfera, uma camada interna do Sol. Segundo Josina, há uma série de projetos que aproveitam a chance para fazer observações especiais.

A pesquisadora contou que a observação mais especial e relevante feita no Brasil, com envolvimento do Observatório Nacional, ocorreu em um eclipse total em 1919, em Sobral, no Ceará, quando a Teoria da Relatividade, do cientista Albert Einstein, foi finalmente comprovada. Josina contou que vieram pesquisadores de vários lugares do mundo para fazer a observação. Depois de algumas tentativas frustradas de provar a teoria em outros locais anteriormente, o eclipse daquele ano no Brasil ofereceu uma boa visibilidade e permitiu que os cálculos de Einstein fossem comprovados.

(Da Agência Brasil)

Paulinho da Força admite apoiar Lula se ele for candidato

O deputado Paulinho da Força (SD-SP) (José Cruz/Agência Brasil)
Paulinho da Força mandou um recado a Lula: se ele for candidato a presidente, o sindicalista vai apoiá-lo. Será a primeira vez que ambos estarão do mesmo lado numa campanha.

A informação é da Coluna Radar da Veja Online.

Uso de antibióticos pode facilitar infecções intestinais

Imagem: iStock
Um estudo feito pela Universidade de Medicina da Virgínia (EUA) mostrou que o uso de antibiótico faz com que um tipo de célula imune que habita o intestino perca sua efetividade na luta contra infecções e enfraquece a barreira intestinal contra invasores.

“Essa célula desempenha um importante papel na linha de frente da imunidade quando o corpo é invadido por algum agente infeccioso”, disse o pesquisador Koji Watanabe. “Nós descobrimos que o antibiótico interrompe os micróbios naturais do intestino, evitando que isso aconteça de forma apropriada e deixando o intestino suscetível a infecções severas”.

Publicado no periódico científico PLOS Pathogens, o estudo procurou entender o papel da microbiota intestinal na colite amebiana, uma infecção grave de parasitas, comum em países em desenvolvimento. Os pesquisadores analisaram amostras de fezes de crianças de Bangladesh e determinaram que aquelas com infecções mais severas tinham menos diversidade de bactérias no intestino. Isso porque, segundo o estudo, o uso de antibióticos em crianças é muito comum em países com média e baixa renda.

Por fim, os cientistas usaram um rato de laboratório para analisar como a queda da flora intestinal pode piorar os casos de infecções. Eles descobriram que os antibióticos interferiram na microbiota intestinal dos ratos, diminuindo a atividade das células imunes, importantes na proteção do organismo.

Do Uol

Ceará é goleado pelo Boa Esporte e embola tabela da Série B

Alvinegro, mesmo com a derrota por 4 a 1, permanece no g-4, com 34 pontos

Ceará é goleado pelo Boa Esporte e embola tabela da Série B
 ( Foto: Reprodução )
Com direito à confusão no final de partida, o Ceará sofreu uma dura e inesperada derrota neste sábado (19), para o Boa Esporte, por 4 a 1, fora de casa, no momento em que o time tenta se consolidar na zona de classificação para a Série A. Mesmo com o revés, o Alvinegro se manteve no G-4 da Série B do Campeonato Brasileiro.

O time mineiro mostrou qualidade com a bola no meio-campo, principalmente nos pés de Thaciano e Reis, e envolveu a marcação do Ceará em vários momentos. No lance do primeiro gol, uma boa trama pela direita terminou com cruzamento certeiro para Casagrande cabecear. A marcação alvinegra não conseguiu se encontrar, dando muito espaço sempre que o Boa Esporte conseguia escapar da primeira pressão.

Atrás no placar, o Ceará mostrou muitas dificuldades para incomodar o sistema defensivo do Boa Esporte. Com Pedro Ken longe da área, Cafu e Élton afunilando o jogo, apenas Lima mostrou ser incisivo em alguns momentos. A falta de ameaça ao gol rival, diante de uma marcação organizada, foi o retrato do jogo do Alvinegro na primeira etapa.

No segundo tempo, o técnico Marcelo Chamusca fez algumas substituições para tentar melhorar o sistema ofensivo. No entanto, foi o Boa Esporte que voltou mais incisivo na etapa final de jogo. De tanto insistir, o time mineiro conseguiu mais três gols com Rodolfo (duas vezes) e Thaciano. Luiz Otávio fez o de honra do Ceará.

Após o término de partida, o goleiro Fernando Henrique jogou um saco com água para hidratação na cabeça do gandula. O atleta diz que os jogadores alvinegros foram xingados. O gandula comunicou ao árbitro Jean Pierre Gonçalves Lima e a agressão deve estar em súmula.

O Ceará volta a jogar pela competição, na próxima sexta-feira (25), às 19h15, na Arena Castelão, contra o Náutico. O time pernambucano vem em ascensão e luta contra o rebaixamento.

(Diário do Nordeste)

Sobe para setenta o número de mortes por chikungunya no Ceará

Boletim da Sesa, divulgado nesta sexta-feira (18), mostra que já são 75.452 casos confirmados da doença.

Mosquito Aedes aegypti é o tranmissor da zika, dengue e chikungunya
(Foto: LM Otero / Arquivo / AP Photo)
Mais 10 mortes são confirmadas por chikungunya no Ceará. No total, 70 pessoas morreram vítimas da doença em 2017, segundo boletim epidemiológico divulgado nesta sexta-feira (18), pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesa). Até o último dia 4 de agosto, eram 60 mortes confirmadas pela Sesa.

A maior incidência das mortes foi em homens, 42 no total. Entre os óbitos, 56 foram registrados só em Fortaleza. Também há registro de mortes em Acopiara (02), Aracati (01), Beberibe (02), Caucaia (03), Maranguape (02), Marco (01), Morada Nova (01), Pacajus (01) e Senador Pompeu (01).

Casos confirmados

De acordo com a Sesa, foram notificados 116.804 casos suspeitos da doença. Destes, 75.452 foram confirmados (64,4%). A taxa de incidência dos casos suspeitos de chikungunya no Ceará é de 1.303,1 casos por 100 mil habitantes.

Dos casos confirmados, 53,4% ocorreram em pessoas nas faixas etárias entre 20 e 49 anos. O sexo feminino foi predominante em todas as faixas etárias, à exceção dos menores de 14 anos. Foram confirmados casos da doença em 631 crianças com menos de um ano de vida.

Atualmente, 97,3% dos municípios cearenses já notificaram casos suspeitos de chikungunya, e 86,6% têm casos confirmados.

(Do G1 CE)

Avião carregado com cocaína é apreendido em operação policial em Camocim

O piloto da aeronave e a namorada dele foram presos em flagrante

A Polícia acredita que o avião tenha decolado do Estado de Mato Grosso,
 tendo parado no Ceará para reabastecer ( Foto: Divulgação )
Um avião carregado com cocaína foi apreendido em operação conjunta da Polícia Militar e da Polícia Federal (PF), no município de Camocim (a cerca de 355 km de distância de Fortaleza). O piloto e a sua namorada foram presos em flagrante.

Segundo o comandante de Policiamento do Interior Norte (CPI Norte), coronel Julio Aquino, a suspeita é de que a aeronave fizesse parte da "rota do tráfico internacional de drogas" e tivesse decolado do Estado de Mato Grosso, tendo parado no município cearense para reabastecer. A Polícia Militar chegou ao avião após trocar informações com a PF.

O avião estava com 26 tabletes de cocaína, mas a Polícia acredita que
 a aeronave tenha decolado com mais drogas ( Foto: Divulgação )
O avião estava com 26 tabletes de cocaína, sendo cada um com cerca de 1 kg, quando os policiais realizaram a abordagem. Entretanto, o coronel Aquino acredita que a aeronave tenha decolado com mais droga, mas já havia realizado a entrega da maior parte. "Um avião desses não decola só com 26 tabletes de droga", afirmou.

O piloto do avião estava acompanhado da namorada e do filho do casal, uma criança. O homem e a mulher foram presos em flagrante e devem ser conduzidos até a sede da PF, em Fortaleza, ainda na noite deste sábado (19). A aeronave deve ser transportada somente na manhã deste domingo (20).

Terceiro avião apreendido em três anos

Essa é a terceira aeronave apreendida com droga, em território cearense, em três anos. A primeira apreensão se deu em abril de 2015, quando um avião foi encontrado pela Polícia com 400 kg de cocaína. Cinco suspeitos foram presos.

Um mês depois, em maio de 2015, a PF apreendeu outro avião, com 300 kg de cocaína, em Pedra Branca. Quatro suspeitos foram presos.

Fonte: Diário do Nordeste

Fones de ouvido contêm milhares de fungos e bactérias

Pesquisa feita pela faculdade de biomedicina Devry Metrocamp, em Campinas, constatou alta contaminação, que pode levar a infecções como as otites

A pesquisa foi feira com 40 fones de ouvido e, em 87% dos objetos,
foi encontrada uma alta contaminação. (iStock/Getty Images)
Fones de ouvido de uso diário podem estar contaminados com até 10.000 fungos e bactérias que podem causar micoses e graves infecções, como otites e sinusites. A conclusão é de uma pesquisa da faculdade de biomedicina Devry Metrocamp, em Campinas, feita com quarenta fones (trinta do modelo que se encaixa na orelha e dez headfones, que têm contato com a parte externa da orelha) de jovens e adultos que tinham o hábito de compartilhar os aparelhos e não higienizá-los. Em 87% dos objetos foi encontrada uma alta contaminação que incluía a bactéria Staphylococcus aureus, que pode levar a infecções de pele e também das vias aéreas superiores, como as otites.

Entre os fungos detectados pelo estudo, que analisou os aparelhos por três meses, os do grupo Candida ssp são os mais preocupantes, de acordo com os pesquisadores, que foram surpreendidos pela alta quantidade de microrganismos presentes nos objetos. Esses fungos são difíceis de tratar e podem afetar alguns órgãos do ouvido, provocando doenças em pessoas com imunidade baixa.

Contaminação

No geral, todos os headfones que participaram da pesquisa estavam contaminados com a bactéria Staphylococcus aureus (que pode levar também ao desenvolvimento de meningites) em baixas quantidades. Por essa razão, seu uso é um pouco mais seguro.

A cera encontrada no ouvido é uma proteção que tem o objetivo de impedir a entrada de fungos e bactérias. Contudo, o uso frequente dos fones de ouvido (e também de cotonetes) pode reduzi-la, deixando o ouvido sem defesas.

De acordo com a equipe de cientistas, coordenada pela bióloga Rosana Siqueira, os fones internos entram em contato com essa cera e, quando não são limpos corretamente, entram em contato com diversos microrganismos que “grudam” no objeto. Ao serem encaixados nos ouvidos, o canal auricular fica abafado e em uma temperatura propícia à proliferação de fungos e bactérias. Se o ouvido estiver com pouca cera e o organismo com a imunidade reduzida, os fungos e bactérias encontrados nos fones podem levar a doenças, como as otites.

Limpeza

Para evitar as contaminações, os pesquisadores indicam a limpeza dos objetos com o álcool isopropílico, indicado para eletrônicos. A higienização deve ser feita com um cotonete ou algodão embebido com o produto e passado nas partes do aparelho que ficam em contato com a orelha e nos fios, todos os dias, antes e após o uso. Álcool comum ou água e sabão não são indicados, pois prejudicam os fones. No caso dos headfones, se a película de proteção do aparelho for rompida, o ideal é trocá-lo, para que não haja a contaminação.

Os médicos também não recomendam o compartilhamento dos fones, hábito que pode favorecer infecções, pois os fungos e bactérias podem passar de uma pessoa para outra.

Se houver dor de ouvido, incômodo ou sensação de diminuição de audição, o melhor é procurar um otorrino para que sejam feitos exames e o diagnóstico. O tratamento pode incluir o uso de antifúngicos, antibactericidas, anti-inflamatórios e analgésicos.

(Veja Online)

sábado, 19 de agosto de 2017

Termina segunda-feira prazo para quem recebe auxílio-doença agendar nova perícia

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
Termina nesta segunda-feira (21) o prazo para que beneficiários do auxílio-doença convocados pelo Diário Oficial da União (DOU) procurem o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para agendar nova perícia médica.

Os beneficiários convocados no dia 1º de agosto são aqueles com os quais o INSSs não conseguiu entrar em contato por meio de cartas, que, devido às informações insuficientes ou erradas, foram devolvidas pelo Correios.

Inicialmente, o prazo de cinco dias a partir da publicação da convocação terminaria no dia 5 de agosto. No entanto, horas antes do fim do prazo, o Ministério do Desenvolvimento Social anunciou, por meio de nota enviada à imprensa, que a data limite estava sendo prorrogada para 21 de agosto.

A prorrogação foi divulgada um dia após a 20ª Vara Federal de Porto Alegre (RS) conceder liminar favorável à Defensoria Pública da União (DPU), que pedia que o INSS restabelecesse o pagamento de benefícios por incapacidade cancelados antes que os segurados tivessem passado por nova perícia.

Segundo Ana Luisa Zago de Moraes e Thales Arcoverde Treiger, respectivamente defensores públicos federais no Rio Grande do Sul e no Rio de Janeiro, beneficiários procuraram o órgão com a queixa de que não conseguiam agendar a data da perícia pela central telefônica do instituto e, mesmo assim, estavam tendo seus benefícios suspensos.

Na ação, os defensores públicos citam nominalmente exemplos de segurados que, embora só tenham conseguido agendar a perícia para novembro, tiveram o auxílio-doença suspenso. A liminar judicial tem abrangência nacional.

Quem recebe o seguro por incapacidade e não recebeu, pelo Correio, a convocatória para agendar a perícia, deve conferir se seu nome consta da lista publicada no dia 1º de agosto.

Os convocados devem entrar em contato com a Central de Teleatendimento do INSS, no número 135, e agendar a reavaliação. No momento da perícia, o segurado deve apresentar toda documentação médica que justifique o recebimento do benefício, como atestados, laudos, receitas e exames.

Caso o segurado se encontre internado ou enfermo e não puder comparecer à perícia, deverá pedir a uma pessoa de sua confiança que informe, em uma agência do INSS, sobre o impedimento. É necessário que esse representante apresente a identidade do segurado e um documento que comprove o impedimento. Com isso, ele poderá solicitar uma perícia hospitalar ou domiciliar.

O não atendimento à convocação ou o não comparecimento na data agendada pode levar o auxílio a ser suspenso ou cancelado.

Até meados de julho, foram realizadas quase 200 mil perícias em todo o país. Como resultado, 160 mil pessoas tiveram o benefício cancelado por não precisarem mais recebê-lo.

(Agência Brasil)

Após 34 jogos invicto, Corinthians perde em casa para o Vitória

Foto: Alan Morici/FramePhoto
O Corinthians perdeu pela primeira vez após 34 partidas invicto, neste sábado (19). Jogando em casa, o líder do Campeonato Brasileiro foi derrotado pelo Vitória-BA por 1 a 0 em jogo válido pela 21ª rodada do torneio. Mesmo com o trunfo, o clube baiano se mantém na zona de rebaixamento com 22 pontos.

O time do técnico Fábio Carille começou o jogo ofensivo, finalizando já nos minutos iniciais. A posse de bola e domínio da partida, porém, não impediram que a equipe baiana conseguisse chegar até o gol de Cássio aos sete minutos do primeiro tempo.

Com arrancada de Neílton pela esquerda em um bom contra-ataque pelo time visitante, Tréllez encaixou a bola no fundo da rede corintiana ao chutar pela direita aos 12 minutos do primeiro tempo.

O Corinthians pressionou nos minutos seguintes e Romero chegou a marcar de cabeça pelo clube alvi-negro aos 30 do primeiro tempo, mas o juiz acusou impedimento. Balbuena teve uma excelente oportunidade aos 40 minutos, igualmente de cabeça, mas mandou a bola foi para fora. Foram 12 finalizações sem sucesso para o clube paulista na primeira etapa da partida.

Carille usou as três substituições no segundo tempo. Guilherme Arana foi trocado por Moisés durante o intervalo por sofrer lesão na coxa esquerda, Romero deu lugar a Marquinhos Gabriel antes dos 20 minutos e Balbuena substituído por Jadson também por sentir a coxa.

Artilheiro do Brasileiro, Jô teve uma excelente chance de empatar aos 24 do segundo tempo, mas foi parado pelo goleiro Fernando Miguel. Instantes depois, foi a vez de Cássio segurar a bola para o Corinthians após contra-ataque do visitante.

O resultado significa adeus do Corinthians à tentativa de bater a própria marca de invencibilidade. Invicto há 34 jogos, a equipe precisava de mais três bons resultados para igualar o feito de 1957. Na ocasião, o time recebeu a Taça dos Invictos por uma sequência de 37 sem perder.

O Corinthians, que segue líder com 47 pontos no Campeonato Brasileiro, viaja para Santa Catarina para enfrentar a Chapecoense na próxima quarta-feira (23) na Arena Condá.

Fonte: Folhapress

CNJ decide investigar folha de salários de juízes de todo o país

( Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil )
A presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, decidiu que o órgão vai investigar a folha de pagamentos de todos os magistrados do país. De acordo com portaria publicada hoje (18) pelo CNJ, os tribunais de Justiça de todos os estados deverão enviar mensalmente ao conselho cópias do contracheque dos magistrados cinco dias após a liberação do pagamento.

A medida foi tomada após o surgimento de suspeitas de irregularidades a 84 juízes do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ-MT). O caso veio à tona após a imprensa publicar que um dos magistrados recebeu R$ 503 mil em julho. Diante do fato, o conselho determinou a suspensão imediata de novos repasses.

Segundo o TJ do Mato Grosso, os pagamentos foram amparados em decisão do CNJ. O juiz Mirko Vincenzo Giannotte, um dos magistrados beneficiados por um pagamento de R$ 503 mil, disse que os valores foram recebidos como compensações legais por ter atuado por dez anos em comarcas maiores da que está lotado.

“A partir do mês de setembro de 2017 todos os tribunais do país submetidos ao controle administrativo do Conselho Nacional de Justiça encaminharão, até cinco dias após o pagamento aos magistrados, cópia da folha de pagamentos realizados para divulgação ampla aos cidadãos e controle dos órgãos competentes e para controle da regularidade do orçamento e finanças de cada qual dos Tribunais pelo Conselho Nacional de Justiça”, diz a portaria do CNJ. Conforme a nova norma, o CNJ vai divulgar em seu site todos dados sobre a folha de pagamento dos magistrados do país.

(Agência Brasil)

Cariri: Governo do Ceará entrega ciclovia que une os municípios de Crato, Juazeiro e Barbalha

Com extensão de 17 quilômetros, o corredor é o maior do interior do Ceará. O equipamento vai beneficiar cerca de 457 mil caririenses

Fotos: Nívia Uchôa e Davi Pinheiro / Governo do Ceará
O governador do Ceará, Camilo Santana, participou, neste sábado (19), do percurso de inauguração da ciclovia Crajubar, que liga os municípios de Crato, Juazeiro do Norte e Barbalha, no Cariri. Junto a centenas de moradores da região, o chefe do Executivo pedalou os cerca de 17 km do equipamento que une as três cidades. A extensão da ciclovia é a maior do interior do Ceará e a segunda maior do Estado, ficando atrás somente de equipamentos de Fortaleza.

"Já existia a ciclofaixa (no mesmo trecho) aos domingos. Ela vai continuar. A ciclovia é mais um espaço de mobilidade para a população do Cariri", argumentou Camilo Santana. "É um equipamento para crianças, jovens, idosos; para todas as idades. A população vai poder pedalar com mais segurança", continuou.

A ciclovia possui faixas nos dois sentidos: são sete quilômetros ao longo da Avenida Padre Cícero (Crato - Juazeiro) e dez quilômetros pela avenida Leão Sampaio (Juazeiro - Barbalha). O corredor, reivindicação de mais de 14 movimentos de ciclistas da região, teve investimento da ordem de R$ 3 milhões e vai beneficiar mais de 457 mil caririenses.

O governador enfatiza, ainda, que a ciclovia não é somente para lazer. "Trabalhadores que quiserem se deslocar para outras cidades poderão, agora, utilizar as bicicletas. E vai servir de estímulo para (a prática de) atividade saudável", disse.

Para o titular da Secretaria das Cidades, pasta responsável pela obra, Jesualdo Farias, a ciclovia representa modernidade, "no ponto de vista de uma melhor mobilidade urbana". "Temos percebido que tem se intensificado o uso da bicicleta como veículo para o cotidiano e para o uso esportivo. E este empreendimento vem atender a essas duas vertentes", concluiu.

Agilidade e segurança


Pedalando com frequência há mais de um ano, a agente administrativa Nágila Sampaio, 38, afirmou que o equipamento é "uma das melhores obras para a região, principalmente para os esportistas". "Com a ciclovia, ficou perfeito. Rapidinho a gente chega no Crato, em Barbalha", enfatizou Nágila, que pedala às quartas-feiras na companhia de cerca de outros 40 ciclistas.


O agente de endemias Adrião Carvalho, de 50 anos, participa de um dos movimentos que reivindicaram o corredor para ciclistas. Utilizando a ciclovia na inauguração, ele conta que o equipamento "foi um investimento correto para a região". "Foi uma luta, a gente pedindo, reivindicando. O Governo do Ceará realmente viu essa necessidade", sorriu o juazeirense. "Além de melhorar a saúde, podemos andar com segurança", acrescentou.

No fim do percurso, o governador Camilo Santana sorteou sete bicicletas para os moradores da região. Armando Silva, de 20 anos, foi um dos ganhadores. Estudante de uma unidade de Ensino para Jovens e Adultos, em Juazeiro do Norte, ele não conteve as lágrimas ao receber o equipamento. "Eu pedia uma bicicleta emprestada para fazer as trilhas, junto com outros ciclistas. Estou com muita alegria", emocionou-se.

Participaram do momento de entrega, também, os prefeitos Arnon Bezerra (Juazeiro) e José Ailton Brasil (Crato).

Fonte: Assessoria de Comunicação do Governo do Estado do Ceará

FHC deu aval à crítica em propaganda do PSDB

Ex-presidente aprovou peça do PSDB veiculada na televisão em que o partido admite erros e fala em ‘presidencialismo de cooptação’

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso Foto: JF Diorio/Estadão
A propaganda do PSDB veiculada nesta quinta-feira, 16, em cadeia nacional de rádio e TV aumentou as divergências internas, levando uma ala de governistas do partido a iniciar um movimento para tentar afastar o presidente interino da sigla, senador Tasso Jereissati (CE), do cargo. Tasso é apontado como o responsável pelo vídeo, produzido pelo publicitário Einarth Jacomé. O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso também ajudou a elaborar a propaganda.

“Isso não faz o menor sentido, porque, se vai substituir o presidente do partido, tem que substituir também o presidente honorário, já que o vídeo passou pelo crivo do presidente FHC”, disse o senador tucano Cássio Cunha Lima (PB).

Segundo integrantes do partido, FHC foi responsável por sugerir o uso da expressão “presidencialismo de cooptação” para criticar o modelo de governo brasileiro, considerada uma das frases mais polêmicas da peça e vista como crítica ao governo Michel Temer. “A expressão ‘cooptação’ foi sugestão do próprio FHC. Ia ser coalizão e ele sugeriu cooptação”, disse Cunha Lima.

Segundo Jacomé, o material foi exibido ao ex-presidente em São Paulo e recebeu sua aprovação. De acordo com o publicitário, FHC disse, na ocasião, que era preciso “chacoalhar a política”. FHC afirmou que, no primeiro caso, da “cooptação”, dá-se uma relação com pessoas, mediada por nomeações e interesses pessoais, chegando aos financeiros. O outro modelo, presidencialismo de coalizão, supõe uma convergência de pontos programáticos em consequência de apoios aos quais se abre espaço no governo.

Autocrítica 

No programa de dez minutos, o PSDB fez uma “autocrítica” por ter “aceitado o fisiologismo”. “O presidencialismo de cooptação que vigora no Brasil faliu, tendo gerado crises sucessivas e muita instabilidade política”, diz o locutor, sem citar que a sigla ocupa quatro ministérios do governo.

Aliados de Tasso apontaram a participação de integrantes do Palácio do Planalto no movimento para afastar o senador da presidência interina do partido. Ele é pró-desembarque do governo. “A reação que vem (contra o programa do PSDB) é dos governistas, está evidente a participação do governo nessas declarações”, disse o senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES).

Ferraço afirmou ainda que há movimentos para que o PSDB se transforme “em força auxiliar do governo”. “Há esforço (do governo) para que o PSDB se anule”, afirmou.

Interlocutores de Temer, no entanto, disseram que o presidente tem perfil ponderado, não radical, e que o peemedebista conversou com Tasso por telefone. O tucano ligou para Temer para explicar a peça e, segundo interlocutores, o presidente não fez nenhum tipo de cobrança.

Nos bastidores, auxiliares de Temer consideraram um “tiro no pé” a propaganda. Segundo um interlocutor do presidente, ao reconhecer erros, os tucanos, além de darem munição a adversários na eleição do ano que vem, escancaram a crise vivida dentro partido.

Disputa

Tucanos da ala governista querem que o senador Aécio Neves (MG) reassuma a presidência da sigla temporariamente e escolha outro vice-presidente para comandar o partido até 9 de dezembro, quando está prevista nova eleição da Executiva. Nos bastidores, apostam no senador Flexa Ribeiro (PA) ou no deputado Giuseppe Vecci (GO) como substitutos de Tasso.

Enquanto isso, líderes do PMDB e do Centrão, grupo do qual fazem parte PP, PSD, PR e PRB, passaram a cobrar publicamente que o PSDB entregue os quatro ministérios que detém no governo: Cidades, Secretaria de Governo, Relações Exteriores e Direitos Humanos.

Interlocutores do Planalto voltaram a afirmar que o governo não vai retaliar os atuais ocupantes de cargos no primeiro escalão da Esplanada. Os ministros tucanos Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo), Aloysio Nunes (Relações Exteriores) e Bruno Araújo (Cidades) foram rápidos ao se manifestar contra o programa e dizer que a peça não os representa. Auxiliares de Temer lembrara ainda que os três atuaram para ajudar a derrubar a denúncia contra Temer.

(Estadão Conteúdo)